Como investir no trabalho remoto sem descuidar da segurança

Nesta era de transformação digital, seu local de trabalho pode ser qualquer lugar, não é mesmo? Aliás, o Brasil é o terceiro país do mundo no ranking com maior aumento das iniciativas de flexibilização e digitalização dos ambientes profissionais. Porém, junto com os avanços da internet e de novas ferramentas que impulsionam a produtividade, apresentam-se os riscos diante de ameaças cada vez mais sofisticadas. Dessa forma, proteger dados pessoais e sigilosos é um desafio cada vez maior, inclusive para empresas. Logo, é preciso dedicar atenção especial a possíveis brechas de segurança geradas pelas vulnerabilidades da mobilidade. Sendo assim, veja estas dicas de como adotar medidas práticas para reforçar a cultura interna e aprimorar as barreiras de proteção em torno de seus ativos digitais e estruturas internas.

Use um firewall na rede

Para garantir disponibilidade de dados de maneira segura, invista na implementação de um firewall na rede. Considerado primordial e muito eficiente, o recurso ajuda a filtrar as solicitações para proteger os sistemas corporativos. Afinal, o firewall é uma peça de controle capaz de avaliar e identificar os comportamentos suspeitos dos usuários.

Adote políticas de controle de acesso

Estabeleça uma política de controle de acesso aprimorada, com níveis de identificação, autenticação e disponibilidade das informações a partir do perfil, cargo e área do colaborador. Dessa forma é possível reforçar a proteção e a segurança dos dados mais sigilosos. Especialmente com o aumento do uso de dispositivos pessoais no ambiente de trabalho. Afinal, cada colaborador precisa acessar diferentes dados e somente aqueles relacionados a suas competências. Então, a dica é combinar diferentes fatores de autenticação e login para visualização de conteúdo, pois quanto mais camadas de proteção no acesso aos sistemas, maior a segurança.

Mantenha o controle da performance de suas redes

Monitorar e controlar o desempenho de suas redes faz parte do trabalho preventivo empresarial. Mesmo porque, sem um monitoramento efetivo e eficiente, não existe controle dentro de um departamento de TI. Isso vale também para buscar e identificar programas e dispositivos que estão interagindo com o sistema de forma não autorizada. Para tanto, basta investir na boa gestão das credenciais de acesso que, inclusive, ajudam a descobrir com mais rapidez a origem de problemas e a evitar vazamentos de dados e outros incidentes.